Ep.4- Saúde Mental

 Você se sente fora ou dentro da caixinha? Acho que eu me sinto mais fora que dentro… Bom, já chego lá!!
 Tenho uma amiga psiquiatra que me disse ser sempre convidada para fazer palestras sobre doença mental, quase nunca sobre saúde. Nos jornais e revistas semanais há sempre alguma matéria sobre comportamento, na maioria das vezes explicando uma patologia e dando referências para que você descubra se é ou não portador e para tomar cuidado com quem é!
Numa linha meio ameaçadora, fatalista, dramática. Dormindo com o inimigo, o psicopata mora ao lado…  Aliás, termos relacionados às doenças mentais foram incorporadas fortemente ao vocabulário e até viraram gíria: recalque é um exemplo. Da Psicanálise ao funk, em conexão direta!!
Ouvimos todo dia: “Você está estressada, deprimida, angustiada! ”. O sinônimo exausta, triste e aflita quase não se usa mais! As pessoas estão tensas, pressionadas, sofridas? Sem dúvida. A crise econômica, as dificuldades no trabalho, nas relações amorosas e outras tantas questões estão aí, todo dia. O que eu gostaria de propor, é que, além de diagnosticar doenças, tentássemos olhar para os recursos de cada um de nós. Porque saúde mental não é o mesmo que não ter problemas. Não ter problemas é impossível!! Há sempre um chefe mal-humorado, uma relação tensa, uma falta de grana, uma pessoa ingrata, e por aí vai.
Então o que é saúde mental? Usando como referência uma psicanalista inglesa chamada Melanie Klein em um artigo intitulado Sobre a Saúde Mental, trata-se em síntese em ter capacidade de lidar com emoções conflitantes, equilíbrio entre a vida interna e a adaptação da realidade. Quem tem caráter forte é capaz de ter empatia, tolerância, compaixão.
A saúde mental deve nos dar condições de viver toda enorme gama de experiências. A variedade enriquece, acrescenta. Contardo Caligaris, um psicanalista que escreve na Folha de SP e que gosto muito, uma vez disse que felicidade para ele dizia respeito à capacidade de vivenciar a maior variedade possível de sentimentos. Acho linda essa definição e acho que tudo a ver com saúde mental!! Sermos capazes de sofrer pelo abandono, pela ingratidão, pela humilhação, pela perda, mas também capazes de comemorar, de sermos solidários, compreensivos, afetuosos…. De vez em quando vem uma raiva, uma impaciência, uma pressa louca, mas também uma força, uma tolerância e uma generosidade com os outros.
A saúde mental é a capacidade de curtir as conquistas e de sofrer com as perdas. Vida é tensão e descarga, como dizia Freud. Os exames de eletroencefalograma e eletrocardiograma de quem está vivo oscilam, tem altos e baixos, mudam de frequência, de intensidade. Vida é isso. Como dizem os Titãs, “O pulso ainda pulsa…”

A morte é um traço, um apito, um nada, uma mesmice, um vazio… A morte em vida é essa coisa parada, morna, modorrenta, chata, repetitiva…

Ter saúde mental significa aceitar que é limitado, imperfeito, incompleto…. Então bora rir da gente mesmo, inventar, errar, fazer merda, pisar na jaca e quando acontecer, pedir desculpas, reavaliar, reconhecer que errou e seguir, viver a vida, não se exigindo perfeição!!! Os fora da caixinha são os gênios, os criativos, os inventores, os que estão fora dos padrões que muitas vezes sofrem por isso!!
Se você se sente fora da caixinha às vezes, significa que sua vida saiu da mesmice, do padrão, da regra. É bom isso, muitas vezes!! Ache legal!!! Eu adoro quando as pessoas me falam que eu não tenho cara de psicóloga!!! Eu não quero ter cara de nada, quero ter cara de, Gi, Gica, Gigica, Xixa, Pulola, Sixelda, Gisolha, Merlusa, Doutora, Psora, Tchicher, Persi, todos os apelidos que já fui e sou chamada pelos amigos e parentes, que me fazem sentir fora da caixinha e eu adoro!!!

Publicado por

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.